Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Mais Notícias > Forças Armadas garantem operacionalidade e permanente prontidão durante o Carnaval
Início do conteúdo da página
OPERACIONALIDADE

Forças Armadas garantem operacionalidade e permanente prontidão durante o Carnaval

Acessos: 192

Operação CATRIMANI entrega cestas de alimentos na Terra Indígena Yanomami, somando mais de 735 horas de voo dedicadas à distribuição nas áreas isoladas

Boa Vista (RR) - Durante o feriado carnavalesco, as Forças Armadas seguem em plena atividade, demonstrando permanente prontidão operacional, para entregar cestas de alimentos nas comunidades isoladas da Terra Indígena Yanomami (TIY). A ação coordenada pelo Ministério da Defesa é realizada no contexto da Operação CATRIMANI, que acontece desde janeiro deste ano e busca mitigar a emergência em saúde pública enfrentada pelas comunidades indígenas da região.

A prontidão logística das Forças Armadas, empregando recursos materiais e humanos, já soma mais de 735 horas de voo dedicadas à distribuição das cestas de alimentos. Essa dedicação operacional, 24 horas por dia, garante o apoio emergencial necessário na TIY.

O transporte das cestas de alimentos é realizado por modal aéreo, em uma ação conjunta que envolve as três Forças: Marinha do Brasil, Exército Brasileiro e Força Aérea Brasileira, junto às agências. A colaboração resulta em uma distribuição abrangente e eficiente, atingindo comunidades como Surucucu, Xiothei, Cereano, Arasik, Hewetheu, Arakassá e Toxahipi.

As cestas de alimentos são disponibilizadas pela Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB) e distribuídas dentro das comunidades pela Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI) em uma parceria que visa atender às necessidades alimentares dos povos originários de maneira eficaz.

Para alcançar esses resultados, o Comando Operacional Conjunto CATRIMANI mobilizou o emprego de doze aeronaves das Forças Armadas, incluindo helicópteros como o UH-15 - Super Cougar, da Marinha do Brasil, e o Black Hawk, do 4º Batalhão de Aviação do Exército Brasileiro, além de aeronaves de transporte como o C-105 e C-98 Caravan e o H-60 ​​Black Hawk da Força Aérea Brasileira.

A ação coordenada do Ministério da Defesa tem como meta distribuir 15 mil cestas de alimentos até o dia 31 de março, reforçando o compromisso das Forças Armadas com o apoio logístico e humanitário às comunidades indígenas. Além de uma resposta imediata às necessidades alimentares dos povos originários no enfrentamento da emergência em saúde pública na TIY, a operação também contribui para o combate ao garimpo ilegal, reforçando o compromisso das Forças Armadas com a preservação ambiental na região.

Diante dos desafios amazônicos, as Forças Armadas Brasileiras demonstram a dedicação e o profissionalismo que historicamente acompanham as atividades militares na Terra Indígena Yanomami, mantendo viva a tradição de servir à nação em momentos críticos e de emergência.

registrado em:
Fim do conteúdo da página